Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


 

Atormentas o sono de quem quer dormir à noite. Acho que todo o caminho que percorri ou inevitavelmente percorrerei já passaste por eles. Uma pessoa eternamente misteriosa para mim, mariposa que cativa a minha luz e curiosidade sagaz. És uma pessoa dura, de poucas palavras mas de muitos gestos. Assusta-me o facto que aos poucos me torno num retracto fiel teu. Quando me desafias e sorris para mim, eu devolvo o que me dás, quer bom quer mau.  Mas és corvo negro que traz consigo tudo o que a noite esconde ao virar da esquina num ápice, fascina-me tudo isso. Só não podes dar uso às tuas asas.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:


10 comentários

Sem imagem de perfil

ariana a 12.07.2013

isso também me interessa, mas sempre me foi apresentado como se a religião católica é que fosse "a correcta", daí não gostar.
Sem imagem de perfil

ariana a 13.07.2013

pensei nas cartas hoje, mas já é tarde para a reler e responder, porque estou no algarve e a deixei em casa, por isso, vou voltar a deixar cartas no blog.
Sem imagem de perfil

ariana a 13.07.2013

não consigo, tenho o hábito de dissecar toda a informação.
Sem imagem de perfil

ariana a 13.07.2013

um dia, só pararei quando se formarem calos nos meus dedos: http://clicktotrydrugs.blogs.sapo.pt/48895.html
Sem imagem de perfil

cat a 13.07.2013

ficou extremamente bonito :)
Imagem de perfil

raquel a 13.07.2013

obrigada sara. gosto muito de fotografia, mas não tenho paciência para ler coisas técnicas, por isso suponho que não vou deixar de ser uma amadora.
Sem imagem de perfil

cat a 13.07.2013

não tenhas medo. no verão acampar é a coisa mais fácil do mundo. quando está mau tempo é quase como lutar contra a natureza.
Sem imagem de perfil

lopes a 13.07.2013

É para o que este tempo dá.
Sem imagem de perfil

ariana a 14.07.2013

demorou, mas foi!
fico à espera.
Imagem de perfil

dolcescrittora a 14.07.2013

este texto está misterioso, gostei!

Comentar post



Mais sobre mim


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D